Resenha: “Eu sou o mensageiro”

Oi gente!! Hoje eu to aqui pra falar sobre uma das coisas que eu mais amo fazer no mundo: ler! Esse livro que eu vou indicar foi uma dica de dois amigos meus (valeu Ana e Cadu hahha) e depois que eu li, comecei a indicar pra todo mundo também! Então não podia deixar de falar sobre ele com vocês.

O nome do livro é Eu sou o mensageiro e o autor é o Markus Zusak, o mesmo autor de A Menina que Roubava Livros. Ele conta a história de um jovem de 19 anos, taxista, que mora em um bairro pobre e não tem nenhuma perspectiva de vida. Ele se descreve assim:

“ Meu nome é Ed Kennedy. Sou taxista, tenho 19 anos. Não sou nada diferente dos outros jovens daqui destes subúrbios  – não tenho lá muitos planos pro futuro, e as possibilidades são poucas. Tirando isso, leio mais livros de que deveria, sou um zero à esquerda na cama e não entendo nada de imposto de renda. Prazer. “

Fotor1104193537

Como vocês podem ver, ele não tem lá a melhor das auto – estimas né? Ele tem três melhores amigos, o Marv, que é nervosinho e obcecado pelo carro super velho, o Richie, que é caladão e concorda com tudo e a Audrey,  por quem o Ed é apaixonado. Eles sempre se reúnem pra jogar cartas.

blogvvv

A história começa quando os 4 amigos vão ao banco e ocorre um assalto. O ladrão é bem enrolado e no final, o Ed consegue fazer com que ele seja preso e vira o herói, sai no jornal e tudo. Depois disso ele recebe uma carta de baralho pelo correio e nela tem  escrito três endereços. O Ed vai nesses locais e percebe que em cada um precisa fazer alguma coisa para ajudar as pessoas. Depois de completar a primeira carta, ele recebe mais 4, com outras tarefas. Algumas delas são fáceis e ele gosta de realizar e outras são beem difíceis. Fotor1104191817

O legal desse livro é que o Ed é uma pessoa comum, qualquer um se identifica com pelo menos um dos problemas dele. Ele não é aquele personagem que sabe tudo desde o início, que é bom em tudo, muito pelo contrário, está longe disso. E como qualquer pessoa, ele vai sendo moldado e transformado com as experiências que vive, e é bom acompanhar como uma pessoa que, pros outros e para si mesmo, não tinha capacidade de fazer nada, vai evoluindo e se tornando alguém incrível capaz de ajudar vários desconhecidos. Além disso, sempre fica aquela expectativa de saber quem está mandando as cartas!! Isso te prende muito. É uma leitura bem gostosa e fácil, vai fluindo bem tranquilamente. Se você não tá acostumado a ler quer começar, pode pegar esse livro, com certeza você vai gostar! Todas essas frases das fotos são do livro. Espero que vocês gostem!

Beijos, Leticia

Para escutar: Alpine

ImagemNão sei se vocês já conhecem essa banda australiana composta por Tim, Christian, Lou, Phoebe, Phil and Ryan. Eles fazem um som indie pop, folk bem levinho e apesar de ainda não terem um álbum próprio, já lançaram dois clipes na internet, hands e villages, e recentemente divularam o seu novo single “gasoline”. Os clipes mesmo sendo amadores são super bem produzidos e criativos, sério gente, assistam principalmente hands se você é uma pessoa que gosta de coisa boa, bizarra e estranhamente pertubadora vai achar sensacional.

 

Raiana Moraes