Sir Realist

Imagem

ImagemImagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Tava aqui protelando pra ler 300 textos sobre o Magritte pra minha prova de semiologia, aí decidi buscar inspiração dando uma olhada nesse editorial fotografado por Andrew Matusik, pra revista Genlux, intitulado “Sir Realist”. Como vocês podem ver, foram usados como referência, alguns dos quadros mais conhecidos do Magritte, como o  “The Son of Man”. Eu acho o editorial muito sensacional, e vocês o que acham?

Raiana Moraes

Baroque Print

Ahhhh meus amores, tá ai um assunto que eu quero muito compartilhar com vocês: as estampas barrocas. Vocês já devem ter visto o desfile de Outono/Inverno 2013 da Dolce & Gabbana na fashion week, certo? Então, até hoje eu to babando por tudo, absolutamente TUDO que passou por ele (sym, tenho uma queda por tudo que diz respeito à arte).

D&G Fall/Winter 2013

Vamos começar dando uma resumidinha no que seria esse tal de barroco, né? Simplesmente é o estilo artístico mais lindo e exuberante que este universo já teve a oportunidade de conhecer. Teve início na Itália entre os séculos 16 e 18, e buscava superar a antiguidade clássica. Sabe aqueles tetos que parecem não ter fim, e ser moradia de anjos e deuses? Andrea Pozzo? Caravaggio?…Enfatizava o contraste, o drama, o exagero…queridas, puro luxo. Mas já que esse brog é de moda e não de artes, não vou ficar aqui como quem enche linguiça, ok? (não que essa não seja minha vontade). Enfim, tá ai alguns exemplos:

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

E como isso entra na moda? A baroque print anda sendo a mais encontrada em todas as lojas de tecido, e de vez em quando, em peças já montadas em lojas. A idéia de usar uma roupa com essa estampa, já deixa o visual com uma cara mais sofisticadan e ryca (sério!)

Ta aí umas dicas tiradas do lookbook:

2590916_chictopia_x

2593269_lb

2653327_open-uri20121117-21980-3ig8fg

2665177_CHLB

2701848_look

2703079_lb

2709710_00Ariadna

2756724_ajuhe

3008915_lookie4

 

 

Clara Lionie

Whale Sharks

Queridíssimos, ontem eu vi uma coisa que me deixou simplesmente hipnotizada. O fotógrafo Shawn Heinirchs, super engajado em causas de preservação da vida marinha, e o fotógrafo de moda Kristian Schimidt, se juntaram para criar a série de fotografias Whale Sharks.

Com um papo direcionado à proteção desses animais ameaçados de extinção, as fotos foram tiradas embaixo d’água (sim!), mostrando a “interação” entre tubarões-baleia (os maiores peixes que existem, o bicho chega a 12m e 13 toneladas) e modelos extremamente produzidas. A idéia era fazer as corajosas virarem verdadeiras “sereias”.

Parece meio impossível não é? Mas é verdade, as fotos foram tiradas numa área bem remota das Filipinas, em Oslob. Dá uma conferida no material!

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Olha como foram feitas!:

Imagem

Gostaram? Então, a fonte disso tudo ai é a Zupi, minha revista de artes favorita no universo. Conhecem? Se não, vale a pena dar uma conferida. A página do facebook tem mais de 200 mil acessos, e é atualizada todo santo dia, e toda hora! Sempre tem algo de novo para ver, é perfeito para aquelas horas que você procura inspiração (ou as horas de tédio também!).

http://www.zupi.com.br/

http://www.facebook.com/zupimag?fref=ts

 

Clara Lionie

Dia do grafite e Riot de Janeiro

“Quem ta de fora pensa que a gente é louco, para gastar dinheiro à toa com essa porra , e não ganhar nada com isso. Eu acho que cada um veio por uma missão aqui no mundo, tem uns que vem pra roubar, outros para ser o melhor traficante, outros para ser o maior sequestrador do mundo, tem uns que vem para ser o melhor policial e eu prefiro me destacar no xarpi. ” Marcelo Vely, fundador da AR, maior sigla de pichação do Rio de Janeiro.

Videozinho meio polemico, mas completamente sensacional, achei legal postar nesse dia. Ele mostra o universo do pichação de perto mesmo, e sob uma outra perspectiva, sem fazer julgamentos nem nada. Além de tudo é super bem produzido, quem fez foi a galera do Riot de Janeiro.

Vale lembrar gente que a pichação surgiu por volta da década de 60 e 70, as pessoas escreviam coisas nos muros, nas paredes, no metro… e com o tempo essas pichações começaram a receber desenhos e texturas. Hoje em dia, existe uma enorme discussão sobre a diferença entre pichação e grafite, dizem que um é arte e o outro é vandalismo, mas como eu expliquei na história ali em cima, parece que na verdade eles são irmãos siameses. “O grafite é desde um simples garrancho a um painel elaborado, mas a rua é o seu principal suporte!”.

Então gentchy, vou aproveitar pra falar dos meninos do Riot de Janeiro (os que produziram esse video aí), que conheci faz pouco tempo. É um coletivo formado por uma galera cheia dos talento, eles na verdade são todos artistas e designers, com o intuito de mostrar o que se passa na vertente da cultura carioca. A onde eles querem chegar com isso eu não sei, também nem sei se eles sabem, só sei que eles tem talento zenti, e é isso que importa.

Vale muito a pena assistir os videos que os caras produzem, são sensacionais. Recentemente, eles produziram um pra Auslander + Rider Boat Trip, que sinceramente eu só consegui sentir recalque e inveja quando assisti, por não ter sido eu que fiz. Eles também fizeram um video de Natal pra Farm, lá na Lagoa, que ficou um ahazo. Enfim, assistam todos que são muito bons!

http://www.facebook.com/RiotdeJaneiro

http://vimeo.com/riotdejaneiro/videos

Raiana Moraes

Lágrimas de São Pedro

Imagem

Imagem

Gente, só vim aqui pra lembrar, que hoje começa a exposição “Lágrimas de São Pedro”, do artista baiano Vinícius S. A instalação é composta por 6 mil lágrimas, formadas por bulbos de lâmpadas incandescentes cheios de água que são presos ao teto em diferentes alturas e iluminações, tudo para simular a chuva. O objetivo é expressar a relação lúdica entre o morador da zona rural e a chuva, e a fé do sertanejo que se manifesta através da na novena de São José, onde cantigas e orações são oferecidas ao santo em troca de chuva.

A exposição começa hoje e vai até dia 05 de maio, na Caixa Cultural. Já deixem anotado!

 

“Lágrimas de São Pedro”
Caixa Cultural Rio de Janeiro – Galeria 1
Av. Almirante Barros, 25, Centro (Metrô: Estação Carioca)
Entrada franca.

Raiana Moraes

 

Esra Roise

Conheci a Esra já faz um tempinho, e desde então não mostrei pra ninguém, porque ela é tão genial, que eu queria guardar a genialidade dela só pra mim, mas aí vi que isso não é justo, e que eu tenho que parar de ser tão egoísta. Então, enfim, Esra Roise é uma ilustradora freelancer norueguesa, formada em comunicação visual pela Academia de Artes de Oslo, que já virou queridinha do povo das modas, entre os seus clientes estão a revista Vogue, Nylon Magazine, Vice, Eleven Paris e etc. Ela disse, que a sua inspiração vem das pessoas ao seu redor, da indústria da moda e da música; seus desenhos são basicamente feitos de aquarela, lápis e algumas colagens, que ao meu ver dão um toque a mais e deixam a ilustração ainda mais interessante.

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Imagem

Pra ver o portifólio completo e saber mais sobre ela, só entrar aqui nesse site: http://www.esraroise.com/news/

 

Raiana Moraes

Follow Me

Mais uma descoberta do instagram, o russo Murad Osmann, conseguiu inovar ao tirar fotos da namorada em suas viagens. O fotógrafo resolveu criar o projeto Follow Me (Siga-me), onde todas as fotos mostravam sua namorada de costas o puxando, mas em cenários diferentérrimos e com detalhes que nos diziam onde foram tiradas. Tá ai algumas das fotos!

Sigame Sigame2 Sigame3 Sigame4 Sigame5 Sigame6 Sigame7

E essa é dos bastidores, como Murad cria suas fotos!

Sigamebast

Quem quiser ver mais fotos dele (acreditem, vocês vão querer ver o resto!), sigam ele no insta, @muradosmann, por mim eu colocava mais umas 20 fotos aqui!

Clara Lionie